RSS

A moça em contraluz: delírios internéticos

28 ago

Outro dia rolou um papo no twitter sobre interações no Facebook. A questão é que algumas pessoas disseram que as 6 fotos de amigos que aparecem no seu perfil não estão ali por acaso. Algumas comentaram que são pessoas que te stalkeiam enquanto outras disseram que eram pessoas com as quais você interage mais. Verdade ou não, já reparei que as carinhas estão sempre se repetindo e o que parece é que se trata mesmo de uma combinação entre quem você mais interage, quem te stalkeia e quem você stalkeia. Segundo a Lia (@kittykills) essa é a maneira do Facebook te estimular a entrar em contato com quem realmente quer que você entre em contato.

Bom, sei que foi impossível ler isso e não me lembrar do Orkut, que num feriado bem tedioso, resolveu pregar uma peça em todo mundo e avisar os visitantes do perfil.

Antes disso tudo era uma espionagem sem fim. Você começava por uma pessoa, lia um recado, lia outro, parava na página de outra pessoa, depois outra e mais outra e às vezes até se perdia. Quando era na página do namorado (a) então…xiiii…

Não sei vocês mas eu lembro exatamente como foi.

Sabe aquele feriado que não tem NADA pra fazer e a única coisa é ficar o dia inteiro na internet vendo se aparece alguém interessante online? Pois é! Fiquei o dia inteiro no computador, só na espionagem. E parece que o Sr. Orkut queria mesmo pegar todos de surpresa. Um dia depois desse feriado e tcharam: estavam lá, todos os nomes das últimas pessoas que visitaram o seu perfil.

Antes mesmo de analisar quem tinha me visitado meu primeiro pensamento foi: Ahhh! Meu nome está aparecendo na página de 500 pessosas hoje! Qual desculpa eu vou dar para ter “fuçado” – nessa época ninguém usava a palavra stalker! – ? Fiquei muito, muito brava porque falando sério eu nunca tinha sido uma “fuçadeira de mão cheia” e aí justo no dia que resolvo o Orkut faz isso comigo! Sacanagem né?

Para falar a verdade fico nervosa só de lembrar. Foi muito tenso. Primeiro uma quedinha básica de pressão, depois estado de choque, depois 500 mil ligações para discutir e desabafar com as amigas. Eu não sabia o que fazer. Tinha entrado justamente nas páginas das pessoas que menos deveria (tipo atual do ex, sabe? rs). Pensei mil desculpas e até anotei num caderninho quais seriam minhas falas caso alguém viesse tirar satisfação.

Para meu alívio nada aconteceu. Hoje, olhando friamente consigo perceber que todas as pessoas estavam na mesma situação então não tinha tanto motivo para alarde assim.

Depois, passada a crise inicial começaram a aparecer as frase do tipo: “Só te fucei porque você me fuçou primeiro” , “Está procurando alguma coisa? www.google.com.br”, “Minha vida não é novela para ser seguida” ou ainda  “Se quer privacidade sai do orkut.” Depois de um tempo o orkut foi ficando cada vez mais “privado” e hoje não se consegue ter acesso à maioria das informações do perfil a menos que a pessoa queira.

Bom, só sei que depois dessa discussão e evidências sobre o Facebook eu estou até mais cuidadosa (é gente, de vez em quando eu dou umas olhadinhas sim!rs)! Vai que ele resolve me passar pra trás também né? A propósito, vem feriado – 7 de setembro – por aí então todo cuidado é pouco.

About these ads
 
2 Comentários

Publicado por em 28/08/2012 em A moça em contraluz

 

Tags: , , , , , ,

2 Respostas para “A moça em contraluz: delírios internéticos

  1. aline

    28/08/2012 at 9:44

    Por isso, eu digo, saia do facebook e seja feliz! Cada minuto em que eu poderia estar fuçando a vida alheia é um minuto que gasto comigo.

     

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 222 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: