Ninguém

Não existe ninguém.
Ninguém me interessa, ninguém me atiça ou desperta.
Mas é para alguém que eu escrevo.
Alguém que nem mesmo sei quem.
Alguém que ainda não veio mas que quando chegar compreenda a minha solidão.
Alguém que entenda tanto minha mente inquieta quanto minha alma passional.
Que saiba lidar com meus receios e desejos.
E que tenha intensidade para viver tudo com paixão.
Porque só o amor me liberta.
E o que eu mais preciso é dessa entrega.

Anúncios

2 comentários em “Ninguém

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s