Bagunça

Naquela noite
era sexta-feira da paixão;
eu sabia, mas eu não queria acreditar que você me deixaria;
e no dia seguinte você me deixou;
eu não estava pronta para perder você.

E doeu tanto
mais até do que eu poderia imaginar;
e eu só não sabia;
que iria ficar sem saber o que fazer;
quando você disse que não iria mais voltar.

Eu tentei me afastar
fingir que você não existia;
até reencontrei outro;
eu cheguei a te excluir;
mas parecia que você já tinha me deletado da sua vida.

Se fosse qualquer outro talvez fosse fácil
mas você me tocou;
de um jeito diferente;
que eu nem sabia como era;
antes de estar com você.

E agora você sabe
que eu sou intensa;
essa bagunça toda e sempre acabo fazendo tudo errado;
o que você não sabe;
é que no meio de todas as noites meu corpo ainda acorda clamando por você.

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s